01/08/2014

Negócios com a China

O Governo do Estado estabelece uma plataforma de negócios sino-brasileira entre o Rio Grande do Sul, China e quatro cooperativas gaúchas. O Governo do Estado estabelece uma plataforma de negócios sino-brasileira entre o Rio Grande do Sul, China e quatro cooperativas gaúchas.

Conhecer o mercado chinês é um dos próximos desafios da Ecocitrus. A Cooperativa dos Citricultores Ecológicos do Vale do Caí foi uma das cooperativas convidadas pelo Governo do Estado a participar da plataforma de negócios sino-brasileira, um consórcio que envolve o Rio Grande do Sul, quatro cooperativas gaúchas e a potência emergente do continente asiático.


O documento que firma a parceria entre o Estado, a China e as cooperativas participantes foi assinado no início de julho no Palácio Piratini. Com o aval do Badesul, o memorando de entendimento oficializa o fomento dos negócios por meio do fortalecimento das relações comerciais, dos investimentos e dos procedimentos de cooperação/implementação.


Na visão de Ernesto Kasper, gerente de relações institucionais da Ecocitrus, que representou a Cooperativa no evento de formalização da parceria, o acordo traz uma série de oportunidades: “Estamos participando de uma plataforma de negócios. Portanto, a exportação é apenas uma das possibilidades. A Ecocitrus atua em diferentes frentes e estaremos atentos a qualquer ação que possa promover o desenvolvimento colaborativo da Cooperativa, do Rio Grande do Sul e da China”.


A participação do Badesul no projeto também foi destacada por Ernesto: “A instituição oferece as garantias exigidas pelas autoridades locais e viabiliza, desta forma, o acesso de cooperativas de menor porte, como a Ecocitrus, a um dos principais mercados do mundo”.

Com informações do site do Governo do Estado do Rio Grande do Sul:
http://www.rs.gov.br/conteudo/200242/estado-estabelece-parceria-com-cooperativas-para-ampliar-exportacoes-para-a-china